Rádio Xingó FM

98.7 FM Canindé de São Francisco - Sergipe

Site
http://www.radioxingofm.com.br/

Segmentos: Popular

Carregando...

Deixe a sua opinião

Formulário para comentar
Nota:

Opinião do ouvinte (6)

Renilson - O OTIMISTA IRRECUPERAVEL

Entendamos um pouco, porque vivo a comentar que o momento mais importante da vida é o que estamos vivendo.
Quantos de nós conduzimos automóvel? Alguém conduz a olhar pelo retrovisor (De marcha a ré)?
Ninguém conduz pelo retrovisor, ele auxilia em algumas manobras e deixa-nos ver o que acabou de passar ou quem vem atrás de nós, mas não podemos conduzir por ele.
Amigos! E a nossa vida pode ser comparada a conduzir um automóvel? Vivemos num veículo que segue por muitas estradas, muitas delas desconhecidas, se formos olhar para trás, esqueceremos o que está à nossa frente, e isso não é muito bom.
Se pararmos e formos olhar apenas para trás, não conseguimos ver o que está à nossa frente.
Por vezes também ouço expressões como: Antigamente é que era bom: Ganhava-se dinheiro, brincávamos, divertíamo-nos ….e a lista continua….
Este e o nosso retrovisor, quando o passado é melhor que o presente, dava vontade de o trazer de volta, mas isso não é possível. Nós estamos no momento presente, no AGORA, e seguimos em frente cientes que o futuro é a soma dos presentes e o passado é a marca deixada pelo que fazemos agora.
Às vezes devemos tomar como exemplo algumas experiências passadas, ou seja, olhar no retrovisor da, olhar para as âncoras, que fiz bem e que me da força, se eu já fiz, poderei fazer ainda melhor, o que fiz menos bem e devo melhorar.

Renilson

Mesa de Bar, o programa de radio que curto mais. Independente do local que eu estiver

Renilson O OTIMISTA IRRECUPERAVEL

Rosely

ola gente boa noite eu sou a ROSELY DE Brasilia e na minha opinião essa radio e otina ,desde de quando morava na Bahia sempre ouvia .parabens para todos

Rafael

Oi bom dia eu Chiquinho vou a rádio eu vou de paraná

douglas

quero a musica de bezerra da silva

duel santos

aí galela eu de xingó mais estou em são paulo e gosto de ouvir a enérgia do sertão saudades da terrinha. abraço.